Gruve - Grupo de Estudos de Veiculos Eletricos

Grupo de Estudos de Veículos Elétricos - GRUVE

 

Arquivos:


Metodologia de Aquisição de Dados de Baterias para Tração de Veículos Elétricos e Sua Integração com as Redes de Energia Rio de Janeiro  (2013)


Abstract: Poluição ambiental, questões climáticas e atmosféricas têm tornado o uso final da energia assunto de interesse mundial. Sistemas com tração elétrica oferecem a oportunidade de maior eficiência energética e, consequente, redução de emissões. O mix de energia caracterizado pela matriz energética brasileira viabiliza o desenvolvimento desta tecnologia. Este trabalho apresenta uma metodologia de medição e aquisição de dados, bem como análise matemática do desempenho de veículos elétricos rodoviários à bateria, através de testes realizados com uma Kombi, ano modelo 1982, convertida para tração elétrica, através de uma parceria entre a UERJ e o CEFET - RJ. O trabalho discute, também, a integração dos veículos elétricos no contexto das redes inteligentes de energia, no qual foram utilizados uma scooter elétrica e um protótipo de medidor inteligente de energia, para testes de recarga com a mesma. Equipamentos de medição e aquisição de dados, ferramentas matemáticas e a prática corrente de experiências fornecem a base para a elaboração deste texto, buscando assim promover os benefícios da tecnologia veicular elétrica. Para viabilização de experimentos mais completos, o trabalho conclui que é necessário ampliar os recursos para o desenvolvimento tecnológico da tração elétrica. Além disto, há necessidade de políticas públicas para o incentivo desta tecnologia no Brasil. Este trabalho, por fim, apresenta uma contribuição para análise do desempenho de VEs, visto que é possível realizá-la utilizando equipamentos e componentes encontrados no mercado nacional.



Keywords: Veículos elétricos, aquisição de dados, V2G, redes inteligentes de energia.  

 

Para obter o arquivo completo, acesse:

http://www.eng.uerj.br/producao2/producao.php?id=625

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Metodologia para Conversão de Veículos Equipados com Motores a Combustão Interna para Tração Elétrica: Aplicação de Motor Síncrono de Ímã permanente com Fluxo Magnático Radial a um Furgão (2009)


Abstract: Questões Climáticas, atmosféricas e de poluição ambiental têm tornado o uso final da energia assunto de interesse mundial. Sistemas com tração elétrica oferecem a oportunidade de redução de emissões. O mix de energia caracterizado pela matriz energética brasileira viabiliza o desenvolvimento desta tecnologia. É desenvolvida aqui uma metodologia para a conversão de veículos equipados com motores a combustão interna para tração elétrica. A metodologia considera fatores como o peso e tamanho, o torque de partida, transmissão e potência, entre outros. Ferramentas matemáticas e a prática corrente fornecem a base para elaboração deste trabalho, que descreve a análise de desempenho de veículos elétricos, os componentes utilizados, as equações mecânicas e os critérios para escolha do véiculo ideal para conversão. É apresentada a execução de um projeto de conversão de uma Kombi para tração elétrica, cujo obejetivo tem caráter educativo, buscando assim promever benefícios da tecnologia veicular elétrica. Para viabilização do experimento, o trabalho conclui que é necessário ampliar a demanda por nacionalização da tecnologia, o que tornaria o projeto uma realidade comercial viável. Além disto, há necessidade de políticas públicas para o incentivo da tecnologia veicular no Brasil. Este trabalho apresenta uma contribuição para converter veículos para tração elétrica, visto que sistematiza as etapas do projeto, a partir das quais outros poderão seguir, utilizando componentes encontrados no mercado nacional.


Keywords: Veículos Elétricos. Conversão. Motores Elétricos. Meio Ambiente.


Para obter o arquivo completo, acesse:

http://www.eng.uerj.br/producao2/producao.php?id=249

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

AVALIAÇÃO DAS EMISSÕES ATMOSFÉRICAS CAUSADAS POR MOTOCICLETAS NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO E BENEFÍCIOS AMBIENTAIS DO USO DE TRAÇÃO ELÉTRICA NESTES VEÍCULOS (2006)


Abstract: A poluição atmosférica é um sério problema para os centros urbanos e que vem se agravando ao longo dos anos. No Brasil, as emissões atmosféricas cresceram rapidamente nas regiões metropolitanas, comprometendo a qualidade de vida de seus habitantes. Este cenário é na sua maior parte acentuada em decorrência da presença de veículos automotores a combustão interna. Tendo em vista o aumento crescente do número de motocicletas nestas regiões motivado pelos menores custos e a busca de uma maior mobilidade no tráfego, muitas vezes passa despercebido que por não sendo as mesmas, na sua grande maioria, equipadas com catalisadores, apresentam fatores de emissão maiores do que os veículos leves, representando assim, um grande impacto a ser estudado. O trabalho em pauta teve como objetivo avaliar as emissões destes veículos no Estado do Rio de Janeiro e também estabelecer prognósticos e tendências dos cenários visualizados. Os resultados encontrados indicam a eficácia das regulamentações previstas pelo PROMOT (Programa de Controle da Poluição do Ar por Motociclos e Veículos Similares) no sentido de reverter o processo crescente de emissões a que estaria submetida a população. De maneira complementar, através da metodologia desenvolvida, foi verificado que a introdução de motocicletas elétricas no mercado brasileiro é bem-vinda e propícia, visto que é possível, mediante políticas públicas adequadas de incentivo a esta tecnologia, acelerar a melhoria da qualidade de vida e diminuir os custos dos danos sociais causados pela poluição do ar. Além disto, evidenciaram a necessidade da inclusão das emissões das motocicletas nos cálculos dos inventários pois é significativa a sua influência no que se refere principalmente ao monóxido de carbono.

 

Keywords: Poluição Atmosférica, Avaliação das Emissões Atmosféricas, Motocicletas Elétricas, Veículos a Combustão Interna.


Para obter o arquivo completo, acesse:

http://www.eng.uerj.br/producao2/producao.php?id=166

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------


  ANÁLISE DAS EMISSÕES VEICULARES EM REGIÕES URBANAS E METODOLOGIA PARA QUANTIFICAÇÃO DE POLUENTES  (2005)


Abstract: Este trabalho focaliza a relevância das emissões veiculares na poluição atmosférica dos centros urbanos, as conseqüências para os sistemas climáticos e para a saúde do seres humanos bem como os principais aspectos da legislação brasileira e aquele preconizado pela Organização Mundial de Saúde. São abordadas as rotinas das vistorias veiculares nos Departamentos de Trânsito dos Estados, as metodologias legalmente definidas para os ciclos Otto e Diesel, os equipamentos utilizados, as implicações nos aspectos de legitimidade da propriedade, segurança e as relacionadas com o meio ambiente.Os objetivos principais referem-se à apresentação de procedimentos de análise das emissões veiculares e a proposição de uma metodologia básica de quantificação de poluentes que possa ser estabelecida a partir de dados disponíveis pelos órgãos públicos no Brasil, tendo como ênfase os veículos leves que operam sob o ciclo Otto. Constata-se a partir dos elementos desenvolvidos a necessidade do aprimoramento da quantificação das emissões veiculares no Brasil. A despeito das limitações reinantes o trabalho conclui ser possível um melhor planejamento das ações futuras em prol da qualidade do ar com base nas modificações propostas e que estão relacionadas tanto com os processos analíticos de previsão disponíveis como os de controle. É particularmente importante a determinação, neste contexto, da influência dos novos combustíveis disponíveis a exemplo do gás natural e das novas formas de propulsão veicular, inclusive a elétrica, seja a bateria ou híbrida, incluindo a utilização de célula a combustível. A evolução na engenharia dos motores flex fuel combinada com a redução das emissões converge para um cenário promissor. As atuais perspectivas tecnológicas oferecem efetivas condições para um sistema de transportes sustentável em benefício da sociedade e da vida no planeta.

 

Keywords: Emissões Veiculares; Meio Ambiente; Desenvolvimento Urbano; Qualidade do Ar; Tecnologia Veicular Elétrica.

 

Para obter o arquivo completo, acesse:

http://www.eng.uerj.br/producao2/producao.php?id=145

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------





Warning: fread() [function.fread]: Length parameter must be greater than 0 in /var/www/paginas/virtual/www.gruve.eng.uerj.br/lib/app.php on line 390